Defeito no catalisador aumenta o consumo de combustível

Responsável pela redução de poluentes no meio ambiente e pelo bom funcionamento do motor, o catalisador foi desenvolvido para operar em sintonia com o sistema de alimentação de combustível do automóvel, convertendo cerca de 98% dos gases nocivos em gases não poluidores.

O catalisador tornou-se componente obrigatório por lei em todos os carros a partir de 1997 e desde 2008 toda a peça deve ter o selo de conformidade do Inmetro, o que garante a qualidade do produto.

catalisador

Ao funcionar corretamente, o catalisador assegura um ar mais puro e, consequentemente, a saúde da população. Entretanto, se houver defeito, pode comprometer o funcionamento do motor, causar ruídos, mau cheiro, entupimentos, rachaduras na peça, além de prejudicar o meio ambiente e aumentar o consumo de combustível.

Entre os principais causadores de danos no catalisador estão velas sujas, combustível adulterado, catalisador falso, injetores de combustíveis com defeito, motor desregulado e problemas na sonda lambda (sensor que controla a mistura entre o ar e a gasolina e está localizado entre o tubo de escape e o catalisador). Para prevenir tais problemas, o proprietário precisa utilizar peças originais, combustível de qualidade e realizar a manutenção preventiva periódica. Se notar os sinais abaixo procurar uma oficina mecânica especializada imediatamente.

Principais sinais:

– Aumento de consumo do combustível;

– O motor para de funcionar se o catalisador estiver totalmente entupido;

– Aceleração lenta;

– Arranque difícil;

– Perda de potência em velocidades próximas 80 km/h.

Siga essas dicas:

– Mantenha bicos injetores, velas e filtros sempre limpos;

– Não dê bombeadas no acelerador;

– Desligue os bloqueadores de ignição;

– Evite fazer o motor do carro pegar “no tranco”.

Apesar de durar, em média, 80 mil quilômetros deve-se verificar o catalisador a cada 40 mil quilômetros rodados. Em caso de troca, a mecânica geral Widmen possui 5 unidades no Rio de Janeiro e está pronta para fazer a substituição da peça com rapidez e eficiência.

Por: Gabriela Rabinovici

Leia mais:

Entenda a função do filtro de ar do motor:

https://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/entenda-a-funcao-do-filtro-de-ar-do-motor/

A importância do filtro antipólen:

https://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/a-importancia-do-filtro-antipolen/